domingo, 3 de agosto de 2014

Indicação da semana: Livro "O Diário de Zlata"

Olá leitores, hoje irei começar  uma nova coluna aqui no blog. Todos os domingos pretendo fazer a indicação de alguma coisa da semana, pode ser livro, filme ou até música.

Para inaugurar esse quadro, irei começar com um livro que eu li a muito tempo e sempre falo dele aqui no blog. É um livro um pouco desconhecido mas que eu adoro, espero que gostem também.

Sinopse:  Zlata tem onze anos e vive em Sarajevo. Mantém um diário, no qual vai registrando seu cotidiano. Mas a guerra eclode na ex-Iugoslávia e irrompe no diário da menina. As preocupações do dia-a-dia desaparecem diante do medo, da raiva, da perplexidade. O universo de Zlata desmorona. "Domingo, 5 de abril de 1992Dear Mimmy,Estou tentando me concentrar nos deveres (um livro para ler), mas simplesmente não consigo. Alguma coisa está acontecendo na cidade. Ouvem-se tiros nas colinas. [...] Sente-se que alguma coisa vai acontecer, já está acontecendo, uma terrível desgraça.
Páginas: 181
Editora: Cia. Das Letras
Autora: Zlata Filipovic
Minha opinião:  O livro é um diário da própria Zlata, uma garota que está passando por uma guerra brutal e relata com fotos e textos tudo que está passando. É no estilo "O diário de Anne Frank". Para quem gosta de livros nesse estilo, não pode deixar de conferir essa história linda.

Fica a dica leitores, até mais.




2 comentários:

  1. Esse livro, esse livro é incrível.
    Eu lembro que li esse livro faz muito tempo, lembro que quando fui na biblioteca peguei o livro simplesmente porque não sabia o que exatamente eu queria ler... Pensa né, devorei o livro. hahaha A história é realmente boa, digo a forma como é escrito e tudo mais. Adorei a indicação. :D

    Beijos
    http://www.garotaeseuslivros.com/
    https://www.youtube.com/user/anacrisinah <3

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, exatamente isso que você falou. Li esse livro faz uns 3 anos e na época lembro que não tinha nada para ler e vi ele jogadinho na estante, pensei: "por que não?" e foi uma das melhores leituras que já fiz.
      Beijos.

      Excluir