segunda-feira, 21 de abril de 2014

Resenha: Silêncio - Hush Hush

Livro: Silêncio;
Título Original: Silence;
Autor(a): Becca Fitzpatrick;
Ano de publicação: 2011;
Páginas: 301;
Editora: Intrínseca;
ISBN: 9788580571318



Atenção, pode haver spoilers de Sussurro e Crescendo.


Nora Grey perde a memória depois de ser encontrada sozinha e machucada em um cemitério.
Ao início do livro, ela se torna uma garota frágil e medrosa, não lembra-se de nada dos últimos cinco meses de sua vida, e o mais aterrorizante, não se lembra nem de Patch.

Hank (pai de Marcie) se aproxima cada vez mais dela e de sua mãe, o que é um pouco estranho, já que Nora nunca gostou da família Millar, e nem a família Millar, deles.

Do meio ao final da estória, Nora tenta se lembrar ao máximo do que aconteceu em sua vida durante esses cinco meses. E é assim até o final do livro, quando ela finalmente descobre coisas terríveis e percebe que terá que enfrentar batalhas para salvar sua vida e das pessoas das  quais ama.

Se precisa de mais um razão, eu amo você. Não conheço bem esse terreno, mas preciso saber que no final da noite, você estará em casa me esperando.

O terceiro livro da série Hush-Hush foi um tanto quanto chato e enrolado (para não dizer insuportável). Muitas passagens nas quais a autora escreveu foram desnecessárias. A série poderia muito bem ser uma trilogoia, não iria perder nada de relevante e não tornaria a estória tão decadente.

A personagem principal, Nora, me irrita ao extremo, ela age de uma forma infantil como nunca antes. Isso tirou a ênfase do livro, o que me fez demorar um mês para lê-lo. Becca  não soube conduzir os personagens e nem os caminhos deles, ela simplesmente enrolou até os últimos capítulos.
Foi totalmente decepcionante e não estou com a mínima vontade de ler o  último livro da série, o que é uma pena, já que eu adorei o primeiro e o segundo volume.

A capa de “Silêncio” é tão bela quanto as outras da série, com contrastes em preto e o título caprichado.
A diagramação é com letras um pouco pequenas, mas nada que incomode a leitura. E as folhas são amarelas, para a alegria dos leitores.

Classificação:


Espero que tenham gostado da resenha e não deixe de dar sua opinião.
Até mais!

Nenhum comentário:

Postar um comentário